Para mim a fisioterapia tratava tudo, o que a fisioterapia esportiva faz de diferente?

Nos dias atuais, a fisioterapia esportiva é de suma importância para um clube, seja qual for a modalidade em questão, pelo fato dos atletas de alto rendimento, estarem cada vez mais decididos a buscar uma melhor performance, para desempenhar o melhor papel, em virtude da exigência e competitividade necessárias a vários tipos de esportes, que requerem elevada resistência física e repetição do gesto técnico, podendo provocar o desgaste físico e aumentar a probabilidade da ocorrência de lesões. Neste contexto, a fisioterapia desportiva apresenta como desafio a necessidade de realizar um diagnóstico preciso das lesões esportivas, com uma reabilitação precoce e eficaz, ademais, desenvolve um importante papel frente à prevenção de lesões seja dentro de campo, quadra, piscina ou pista.

Por isso, o fisioterapeuta tem um papel fundamental para que isso ocorra, trabalhando ativamente para que o atleta não tenha lesão (na parte de prevenção) principalmente agora com a descoberta da função de novas estruturas do corpo, ou para que ocorra uma recuperação mais rápida e definitiva (melhorar o potencial de recuperação de lesões, assim diminuindo o tempo de afastamento), assim o clube teria um maior aproveitamento do atleta durante as competições, e estamos falando de muito dinheiro envolvido e trabalho psicológico também.

Muitas vezes relataram que, no futebol inglês, o médico somente comparecia ao clube uma vez por semana, cabendo ao fisioterapeuta o atendimento primário de lesões esportivas, assim como de outras doenças, o que não é diferente de outras doenças onde o fisioterapeuta é o agente de saúde que mais tem com o paciente depois do enfermeiro caso possua.

Mas o fisioterapeuta esportivo, não necessariamente trabalha somente com atletas de alto rendimento (aqueles que são contratados e que ganham por isso), mas também com atletas amadores (que praticam alguma atividade física por hobby ou para melhorar a saúde física e mental), então o profissional também atua em consultórios, clínicas especializadas ou até com um trabalho na casa do paciente.
Exemplo prático é quando o corredor de rua, maratonista, começa a ter muita lesão, sua biomecânica precisa ser avaliada, e adequada ao seu perfil e estrutura corporal, com exercícios e adequação de tensões corporais mais adequadas para que não tenha mais lesões e que possivelmente pare de treinar.

Quando analisamos a Biomecânica ou o gesto esportivo, são discutidos aspectos relacionados à fundamentação metodológica da avaliação do movimento humano; aspectos históricos; e as perspectivas da aplicação dos conhecimentos de natureza biomecânica para a prática.

Então o fisioterapeuta esportivo, atua tanto na prevenção e na reabilitação de lesões, visando a permanência ou a volta ao esporte de uma forma segura, buscando avaliar e abordar as deficiências específicas do atleta/paciente.

Gostaria de saber mais sobre a fisioterapia esportiva?? Procure a Physioterapia & Consultórios, onde possui profissionais especialistas e capacitados (reconhecidos Nacional e Internacionalmente), para intervir no seu problema e devolver a sua melhor forma física e mental.
Agende sua avaliação e trace novos objetivos e metas para sua atividade esportiva.

Pedro Alvarenga
Fisioterapeuta esportivo
Fisioterapeuta da seleção de vôlei masculina para olímpica.

PALAVRAS CHAVE: fisioterapia esportiva , esporte, fisioterapia, gesto esportivo, biomecanica

Brixey S, Christiansen AL, Tieves KS: Injuries can be prevented.
WMJ 2005; 104(2):19-20

Porto LGG, Junqueira Junior LF: Atividade física e saúde:
evolução dos conhecimentos, conceitos e recomendações para
o clínico (parte 1). Brasília Méd 2008;45(2):107-15.